Objetivo/justificativa

Objetivo

Este projeto visa inventariar, a partir da metodologia proposta para o Inventário Nacional da Diversidade Linguística (INDL), a língua indígena Guarani Mbya, falada em seis estados brasileiros: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo.

É coordenado pelo IPOL – Instituto de Investigação e Desenvolvimento em Política Linguística e tem o apoio do Ministério da Justiça, através do Conselho Federal Gestor do Fundo de Direitos Difusos – CFDD

Justificativa

A língua Guarani Mbya possui grande expressão e representatividade no Brasil, estando presente em mais de 60 (sessenta) municípios em vários estados. Estima-se que, atualmente, haja cerca de 50.000 (cinqüenta mil) indígenas Guarani, divididos em diferentes grupos e falando diferentes variedades do Guarani. O grupo Guarani Mbya conta com cerca de 7.000 (sete mil) indivíduos e constitui referência cultural pela sua presença geográfica e histórica no Brasil e países do MERCOSUL, já que é falada por extensa população na Argentina e Paraguai. Além disso, e mais importante, a língua Guarani Mbya possui alta relevância para a memória e identidade do grupo a que diz respeito, atuando na organização dos seus traços identitários mais estáveis e conhecidos.O presente inventário fará com que a língua Guarani Mbya seja visualizada em suas diferentes dinâmicas históricas, sociais e políticas, ampliando o efeito das políticas públicas, através de ações coordenadas de largo alcance. Promoverá desde sua realização, uma participação agentiva dos falantes, que atuarão na execução do trabalho e definição dos materiais a serem disponibilizados, bem como seus usos.

Ojeupity agu

Kova’e ojejapo va’e kue ma onhemombe’u, ha’egui oĩ aguã ojejapo rive va’e kue ayvu re omba’eapo va’e gui pavẽ mbya guarani ijayua kova’e yvy re peteĩ pó peteĩ oja’ao re (6 estados brasileiros) ; Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, ha’egui Espírito Santo re ave. Onhemopena va’e ma (IPOL- Instituto de Investigação e Desenvolvimento em Política lingüística) have oĩ pavẽ ayvu re omba’eapo oipytyvõ va’e (Ministério da Justiça) ha’egui (Conselho Federal Gestor do Fundo de Direitos Difusos- CFDD) reve.

Onhemombe’u anhetenga

Mbya Guarani hayu ma ojeporu raxa kova’e Yvy re, ikuai ma agỹ reve (60 município) py oparupi. Ha’egui agỹ ma (50.000) rupi rive’i ma nhande kuai Mbya Guarani kuery, amboae kuery revê joo ramie’ỹ e’ỹ nhandeayu va’e revê mbya kuery teĩ. Kova’e Yvy re manje nhande Mbya Guarani ete’i nhande kuai (7.000) rupi rive’i. Mbya Guarani hayu ma oexauka tekoete’i kova’e Yvy re ikuai va’e ave oiporu avi. Ha’egui oiporu avi ayvu Argentina re ha’egui Paraguai re ave. há’e rami vy ma há’eveve va’e ma Mbya Guarani hayu ae ma ojeporu água onhemombe’u va’e rã ikuai va’e kuery nombojeroviaai rã, oikoa py ojexauka haguã amboae kuery oikuaa aguã. Agỹ gua ojejapo va’e kua Mbya Guarani hayu ma ojekuaa rã joo ramie’ỹ rã, kaxo voi onhemboeta vê rã. Onhemombe’u bem’u vê rã vi ijayu va’e kuery voi ombojekuaa rã
mba’eapo reko oexauka aguã guembiapo ojeporu aguã.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s